Close

22/07/2020

EnCanto – Respira, Relaxa, Reflete e Fortalece. O Cuidado da saúde respiratória, vocal, mental e física por meio da Música em tempo de Pandemia

Fotografía - EnCanto - Respira, Relaxa, Reflete e Fortalece

Região: São Bernardo Do Campo , São Paulo, Brazil.

Local e população: Território de Saúde 1 – São Bernardo do Campo (Unidades Básicas de Saúde – UBS Jordanópolis, Paulicéia e Taboão).

Contexto e problema que motivou o desenvolvimento da experiência: A Pandemia de Covid-19 chegou ao Brasil e com ela muitas adaptações tem sido realizadas para dar vazão ao novo contexto. Profissionais de saúde tiveram suas rotinas de vida e processos de trabalho modificados, decisões para o enfrentamento da doença precisaram ser tomadas e muitos desafios, além do receio de contaminação nos local de trabalho e ambiente familiar precisaram ser enfrentados. No contexto da Atenção Primária em Saúde (APS), buscando garantir a continuidade do cuidado, alguns trabalhadores da saúde adoeceram quando infectados enquanto outros, continuaram na linha de frente suprindo equipes diminuídas, aumento das atividades desenvolvidas e mudanças constantes nas diretrizes seguindo os protocolos cada vez mais atualizados. A Covid-19 enquadra-se nos quadros de doenças sistêmicas, com importantes desdobramentos respiratórios. A população de um modo geral, inclusive os trabalhadores da saúde, costuma respirar sub utilizando a capacidade respiratória. Diante do novo contexto do uso de máscara e EPIs desenvolvemos um conjunto de atividades que visa associar a temática da saúde respiratória ao autocuidado do trabalhador.

Objetivos e descrição das ações realizadas: Objetivos:  A presente experiência tem como objetivo promover a saúde do trabalhador da APS no enfrentamento da pandemia proporcionando  melhora na saúde respiratória, vocal, física e mental. Desenvolvimento:  O programa acontece em duas UBS (Unidade Básica de Saúde) da estratégia de saúde da família do Território de Saúde 1 de São Bernardo do Campo – Jordanópolis E Paulicéia. Os  encontros propostos são semanais e ocorrem durante o expediente dos funcionários, como medida de descompressão e cuidado. Os encontros são compostos de:  Correções e ajustes posturais; Treinamento respiratório (respiração diafragmática, respiração em quatro etapas e respiração de controle ventilatório); Orientações de bem estar e aquecimento vocal; Relaxamento; Exercícios e Orientações para liberação de dores físicas; Sugestões de canções como apoio e reconhecimento de emoções para o Enfrentamento; Escuta e diálogo sobre as músicas e Vivências; Levantamento e Troca de Mensagens como Incentivos; Seleção das músicas e Canto coletivo.

Conquistas obtidas e principais facilitadores da experiência: As atividades são ofertadas e os profissionais participam de acordo com as possibilidades de conciliar entre os atendimentos, demanda de serviços aos munícipes e processos de trabalho. Na medida em que conseguem ter esse momento de descompressão e cuidado recebemos relatos de sensação de bem estar e apoio à continuidade da ação. Notamos novo ânimo de alguns participantes que se queixavam desgastados e observamos que após as atividades do EnCanto a música e o cantarolar se faziam presentes entre os corredores, tornando os caminhos menos pesarosos. O desenvolver das atividades também tem permitido uma melhor projeção da voz com uso das máscaras e treino respiratório para a utilização continuada das mesmas.  Os encontros foram idealizados pela equipe NASF (Núcleo Ampliado de Saúde da Família) predominantemente com a ação das fisioterapeutas, fonoaudióloga, Sanitarista, nutricionista, com apoio das psicólogas, Assistente Social e Educadoras Físicas. 

Condições ou fatores que dificultam as atividades: Condições que poderiam auxiliar na participação de todos seria a inclusão dessa atividade no processo de trabalho e desenvolvimento de escalas que contemplassem todos os profissionais. Tal ação garantiria que toda a unidade fosse beneficiada e que os trabalhadores pudessem olhar para si sem pesar, receio ou aflitos para o retorno para atividades programadas. A execução dos Encontros demanda preparação, elaboração e cuidado, logo este período também precisa constar na divisão das atividades para que possa acontecer de maneira harmônica.

Análise da experiência – Principais aspectos a destacar: O desenvolvimento das atividades tem trazido bem estar aos trabalhadores especialmente em momentos de eventos adversos ou sobrecarga de ações.  Dessas recebemos alguns relatos interessantes: “Nisso Tudo:Tem dias que SÃO mais Leves, Tem dias de SONS mais Leves!”“Sentido mais leves”, “Aprendendo a respirar com máscaras”“Cantar coloca para fora o que gente tem por dentro e ajuda a respirar”E assim seguimos levando EnCanto com nosso canto, a qualquer canto, dando VOZ ao que passa por nossos corações e pulmões.

Facilitadores:

  1. Mawusi Ramos da Silva – Apoiadora do Território 1 – Sanitarista (Fisioterapeuta) – bymawusi@yahoo.com.br
  2. Thaísa Nunes Roberto – Fonoaudióloga Nasf Jordanópolis – Paulicéia – thaisa.roberto@gmail.com
  3. Charliane do Vale Batista – Fisioterapeuta Nasf Taboão – charlianedovale@gmail.com
  4. Nayara Catarino de Brito – Nutricionista Nasf Jordanópolis – Paulicéia – nayaracatarino@hotmail.com
  5. Priscilla Liberatti – Psicologa Nasf Jordanópolis – Paulicéia – priglm@hotmail.com
  6. Lúcia Higa – Farmaceutica Nasf  Jordanópolis – Paulicéia – lucia.higa@yahoo.com.br
  7. Aline Camargo – Psicologa Nasf Taboão – alinecamargo86@gmail.com
  8. Simone Rodrigues – Educadora- Física Nasf Taboão – simone.rs85@gmail.com
  9. Mayra Moia – Assistente Social Nasf Taboão – maira.vmoya@gmail.com
  10. Stella Bella –  Apoiadora do Território 1 – Sanitarista (Educadora- Física) – stelabella@hotmail.com

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *