Close

11/08/2020

Solidariedade e cultura em tempos de pandemia

Hospital Universitário Doutor Miguel Riet Corrêa Júnior

Região: Rio Grande do Sul, Brasil.

Local e população: Hospital Universitário Doutor Miguel Riet Corrêa Júnior.

Contexto e problema que motivou o desenvolvimento da experiência: Trabalho  em um hospital,  percebi o medo, o nervosismo,  necessidade  de informações e estímulos e percebi as possibilidades de propiciar momentos de reflexão, humanização  e ludicidade juntamente  com informação através  das minhas artes entre outros conhecimentos que eu poderia agregar à comunidade.

Objetivos e descrição das ações realizadas: Foram diversas ações  com objetivos  diferentes: Transformar o momento de pandemia menos tenso para crianças, através do livro Poções da Cura, criado para crianças internadas. Já a criação  do livro Todos Contra o Corona, foi para transmitir informações  que previnam o contágio  da doença de forma adequada e divertida. Também transformei as máscaras  em lúdicas,  bichinhos e heróis que as crianças  escolhiam, foi para estimular as crianças ao uso do Epi que foi doado, as marmitas que iam com mensagens e desenhos eram para melhorar e estimular a alimentação dos pacientes. A ação Herói no Leito, fazia com que a criança escolhesse seu herói e tivesse a tele visita, as músicas que criei foram para aproveitar o momento de reflexão mundial e trazer valores de humanização e o correio solidário, para trazer mensagens de força  aos funcionários  e pacientes pela população  do nosso município,  estreitando o elo entre o hospital  e a cidade, integrando a população,  os profissionais e pacientes, com o ideal de sensibilização social, cidadania e união.  As fotografias que fotografei de trabalhadores atuando na pandemia, valorizaram os trabalhadores  e foram divulgadas pela sede do hospital  federal em todo o Brasil.

Conquistas obtidas e principais facilitadores da experiência: Com os livros, muitas risadas e informações  foram repassadas. As músicas  foram muito compartilhadas, as crianças  adoraram e brincavam com as máscaras  criadas, pintavam os desenhos que vinham nas tampas das marmitas, as mensagens que chegavam aos adultos eram coladas nas camas dos pacientes, guardadas nas carteiras,  até  compartilhadas em redes sociais,  a comunidade  riograndina segue mandando mensagens aos trabalhadores  e pacientes que seguem se emocionando com o trabalho.  Muitos trabalhadores se sentiram orgulhosos com a exposição  digital de fotos no Brasil.

Condições ou fatores que dificultam as atividades: Gostaria de conseguir imprimir os livros, mas todas as ações  foram muito apoiadas pela comunidade.

Análise da experiência – Principais aspectos a destacar: O uso de habilidades adquiridas ao longo do tempo para aliviar os aspéctos da pandemia na minha região  chegaram em outras cidades, inclusive,  a todo o Brasil através  da exposição  digital de minhas fotos de trabaljadores, vi sorrisos nas crianças,  grupos repassando as informações   para pessoas através  da ludicidade das historinhas, percebi as crianças  utilizando  mais os epis, acredito que tudo que foi feito repercutiu positivamente  e como principal análise fica a percepção  de que artistas e cientistas  têm que se unir  e utilizar ao máximo suas capacidades  em torno de uma sociedade  mais feliz, justa e harmônica na busca de bons valores.

Autoria: Mariana Almeida Lucas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *